quarta-feira, junho 20, 2012

Sementes!


As palavras não saem da minha boca. 
Ficam presas. Cravadas!
Sinto a necessidade de cuspi-las como duros grãos. 
Semeá-las em solos férteis...

Grãos não germinam no céu.


5 comentários:

Danilo França disse...

Gostei! "Palavras-sementes". O mundo precisa demais delas.

Bob Esponja disse...

Oi amei o blogger tem como dar uma olhada no meu ? sou nova e preciso da opinião de vocês http://cupcakerejeitado.blogspot.com.br/

Jeane Willman disse...

muito interessante seus textos...pelo menos os que eu li... Rs, estou te seguindo... sendo um pouco mais pretenciosa, peço-lhe que dê uma passadinha no meu blog caso goste me siga, gostaria me manter contato com você... Beijinhos,

Srta Mayla disse...

lugar doce ein? ;DD
PARABÉNS.

Sensibilidade a navegar com poesias disse...

Lindo Blog, lindas poesias...parabéns...te seguindo...